Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Neve ameaça Moimenta da Beira

Neve ameaça Moimenta da Beira

Pode nevar, entre hoje e amanhã, nos pontos mais altos do concelho de Moimenta da Beira.

O estado do tempo deverá sofrer um agravamento gradual ao longo do dia de hoje, quinta-feira, 24 de novembro, em especial durante a madrugada/manhã de amanhã, sexta-feira, dias em que a precipitação pode ser sob a forma de neve nos pontos mais altos do concelho, acima dos 850/900m. Assim, em especial na Serra de Leomil, deverá registar-se queda de neve, podendo também já verificar-se acumulação no solo. A previsão é da Ibermeteo.

Os efeitos da pioria do tempo deverão começar a fazer-se sentir a nível de vento, em especial, e como de costume, nas regiões mais altas da região e município de Moimenta da Beira, como Alvite, Peravelha, S. Torcato, Caria e Serra de Leomil, onde se espera vento moderado, por vezes forte, e com rajadas que podem rondar os 70-80km/h.

A nível de precipitação de referir que esta poderá ser algo persistente, em especial entre o fim do dia de hoje e manhã de amanhã, o que poderá proporcionar acumulados em 24h que podem rondar os 20/30mm.

As regiões do Norte e Centro deverão ser afetadas hoje por queda de neve e chuva forte, o que poderá provocar o corte de estradas, informou a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) Paula Leitão.

De acordo com a especialista, na Região Norte, Viseu pode contar com queda de neve acima dos 1.200 metros de altitude.

“Esta neve vai ser muito intensa e persistente durante toda a tarde e madrugada e vai estender-se gradualmente à Região Centro. Aliás, já está a ocorrer neve na Serra da Estrela e já há estradas cortadas. Prevê-se que ao longo da tarde vá continuar a cair com mais intensidade”, adiantou à agência Lusa.

Segundo Paula Leitão, esta situação vai levar ao corte de estradas e ao isolamento de aldeias em Viseu e que durante a noite não seja possível transitar em muitas estradas.

A especialista indicou também que o vento vai ser moderado com rajadas fortes a partir do fim da tarde e noite, prevendo-se uma diminuição na sexta-feira de manhã.

“Esta situação deve-se a uma depressão complexa que cavou um núcleo sobre o Mediterrâneo percorrendo a Península Ibérica, uma situação difícil de prever pois os modelos têm estado a oscilar nos resultados, não tem sido fácil fazer uma previsão”, disse.

Paula Leitão referiu ainda que o ‘Aviso Amarelo’ que emitido para o distrito de Viseu por causa da queda de neve, chuva e vento, deverão passar a ‘Aviso Laranja’ devido à previsão de agravamento do estado do tempo.

 

Pode ver também

Em Vila Nova de Paiva Governo garantiu que não vai encerrar nenhum posto da GNR

Na assinatura do protocolo de colaboração do contrato interadministrativo, entre a câmara de Vila Nova …

Comente este artigo