Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Herança de Salazar é discutida em tribunal

Herança de Salazar é discutida em tribunal

A herança do ditador António de Oliveira Salazar começou esta quarta a ser discutida no Tribunal de Viseu. Um dos herdeiros doou parte do espólio do ditador ao município de Santa Comba Dão, sendo que, ocaso nunca foi pacífico.

A herança do ditador é constituída por imóveis, documentos e bens pessoais. Um terço destes bens, que continuam na terra onde Salazar nasceu, foi já doado ao município de Santa Comba Dão.

A escritura de doação dos bens foifeita em 2006, envolvendo um sobrinho-neto do Ditador. Em fevereiro de 2014 o mesmo sobrinho-neto reclamou a devolução dos bens e em agosto desse ano foi feito um pedido legal para a anulação da doação.

O processo chega agora a tribunal e os herdeiros reclamam a “reversão da doação ou o pagamento de uma indemnização”, adianta Leonel Gouveia, presidente da autarquia de Santa Comba, que em declarações á TSF  referiu que se mostra “tranquilo” com o processo.

Os irmãos Rui e António Salazar, são os principais herdeiros do antigo presidente do Conselho de Estado. São proprietários dos terrenos e da casa onde morou o ditador e de alguns bens pessoais. Um espólio que teve sempre como destino rechear o Museu Salazar, proposto pela câmara de Santa Comba Dão e que agora mudou o nome para Centro de Estudos do Estado Novo.

O processo corre termos no Tribunal de Viseu e a família de Salazar reclama uma indemnização de 324 mil euros ou a reversão da doação dos bens do ditador.

 

Pode ver também

20914417_853182834843944_8070914573427132485_n

Festas de São Bernardo em Sátão juntaram mais de 45 mil pessoas diz autarquia

  Cultura, desporto, música e muita animação foram os ingredientes que estiveram presentes nas Festas …

Comente este artigo