Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Ex-vice Presidente critica actual Presidente de Nelas
Direitos de Autor / Imagem de: www.centronoticias.pt

Ex-vice Presidente critica actual Presidente de Nelas

Num comunicado emitido na página de Facebook e assinado pelo presidente da Comissão Política da Concelhia do PS Nelas, Adelino Amaral, informa que a estrutura política se posiciona “contra uma eventual recandidatura do actual presidente da Câmara de Nelas”, Borges da Silva, “às próximas Eleições Autárquicas de 2017”. Eis o comunicado:

 

Segundo informam, a estrutura local do PS, diz que a decisão, foi tomada após consulta “por voto secreto, depositado em urna”, no dia 28 de maio de deste ano.

“De acordo com os procedimentos estatutários” e com uma “participação muito expressiva”, determinou de forma “inequívoca” não apoiar uma eventual recandidatura de Borges da Silva. Recandidatura essa que segundo os socialistas “ele próprio tem vindo a anunciar à revelia de todas as estruturas e orientações partidárias”.

Alexandre Borges, ex-vice presidente de Nelas, comentou à Rádio Alive que esta decisão surgiu por Borges da Silva não levar em consideração a Comissão Política que o escolheu.

O Ex-Vice Presidente diz que este comunicado já se previa pelo modo de atuar totalitário de Borges da Silva.

Alexandre Borges garante que o partido nunca esteve de costas voltadas ao Presidente de Câmara e critica o modo de presidir do mesmo.

Alexandre Borges vai mais longe e afirma que o presidente não gosta de  criar consensos e impõe constantemente a vontade dele.

O Ex-Vice Presidente conclui lamentando a falta de educação e a desvalorização pela equipa…. E convida as pessoas a assistirem às reuniões de Câmara para tirarem as suas conclusões.

Lembramos que o Presidente Borges da Silva tinha determinado no dia 19 de Maio deste ano, por despacho, destituir o vice-presidente da autarquia Alexandre Borges.

A informação chegou a público mais uma vez através de uma publicação na rede social do facebook do município.

O documento determinava a imediata destituição do Vice-presidente, no lugar de vereador em regime de permanência, motivada pela falta de confiança política e solidária face ao Presidente da Câmara.

A Rádio Alive tentou contactar o Presidente Borges da Silva.. contudo não se mostrou disponível para prestar quaisquer declarações.

 

Pode ver também

Transporte de água para Fagilde não vai parar mesmo com previsão de chuva

As descargas de água diárias feitas através de 45 camiões-cisternas dos bombeiros na barragem de …

Comente este artigo