Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Coligação quer avançar com autoestrada entre Coimbra e Viseu

Coligação quer avançar com autoestrada entre Coimbra e Viseu

O Governo quer avançar com a construção da ligação em autoestrada entre Coimbra e Viseu, com cobrança de portagens e sem qualquer custo para o contribuinte, segundo o programa entregue hoje na Assembleia da República.

Em agosto, o presidente da Infraestruturas de Portugal, António Ramalho, avançou que a solução para uma ligação rodoviária entre Viseu e Coimbra poderia passar por um corredor desenhado em quatro etapas, com a manutenção do atual Itinerário Principal (IP) 3.

Nessa altura, o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, defendeu celeridade no arranque da discussão pública sobre o traçado a executar: “Se nada acontecer daqui até outubro ou novembro, a discussão pública que se há de iniciar vai ser só em 2016”.

“E não teremos obra para 2017, mas talvez para 2018, portanto, a obrigação do Governo é lançar a discussão, fazer o seu trabalho de casa, pô-lo à disponibilidade de todos e depois aguardar que essa discussão, que se vai prolongar para lá das eleições, se possa concluir tão rápido quanto possível para que o futuro Governo tome a decisão final”, considerou o governante durante a apresentação da discussão pública do corredor do IP3, em Mortágua.

No seu entender, este projeto “tem influência sobre a competitividade dos territórios, sobre a competitividade das empresas”, com “o grosso” da empreitada à disposição de financiamento privado.

“Não significará para os contribuintes um sobre-esforço no futuro. É nosso convencimento que há mercado e interesse privado nesta ligação e nesta obra”, concluiu.

O debate no parlamento do Programa do Governo hoje entregue ao presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, está marcado para segunda e terça-feira, dias 09 e 10 de novembro, e a sua rejeição – através de moções que foram já anunciadas por PS, BE, PCP e PEV – implica a demissão do executivo.

Fonte Lusa

 

Pode ver também

Município de Viseu amplia rede água no valor de 440 mil euros

Município de Viseu adjudicou obras de ampliação da rede água no valor de 440 mil …

Comente este artigo