Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Câmara de São Pedro do Sul aprova orçamento para 2018 de 29 milhões

Câmara de São Pedro do Sul aprova orçamento para 2018 de 29 milhões

A Câmara de São Pedro do Sul aprovou por maioria a proposta de Documentos Previsionais para 2018, que inclui o Orçamento e as Grandes Opções do Plano.

A proposta de orçamento municipal totaliza 29,233 milhões de euros. Prevê-se uma receita corrente na ordem dos 17,594 milhões de euros, e uma receita de capital (que inclui outras receitas) de cerca de 11,639 milhões de euros.

Do lado da despesa, as previsões efetuadas indicam um montante de despesa corrente de cerca de 13,323 milhões de euros, e uma despesa de capital que ronda os 15,910 milhões de euros.

O Orçamento para 2018 aumentou 29% relativamente a 2017. Como principais receitas estão as transferências diretas do Orçamento de Estado e os valores provenientes dos fundos comunitários e os impostos arrecadados.

A taxa de IMI vai manter-se nos valores mínimos e, pela primeira vez, a participação municipal no IRS vai sofrer uma pequena descida.

Quanto aos investimentos para o novo ano que vem, a forte aposta do município vai para a rede de saneamento a novas localidades.

A rede de abastecimento de água vai também merecer um reforço de investimento na sua extensão e na melhoria da quantidade e qualidade da água disponível.

A preocupação com as áreas florestais, quer as que foram fustigadas por incêndios de 2016 e 2017, quer aquelas que não foram afetadas também estará em cima da misa. Reflorestação, reparação de áreas danificadas e investir na prevenção, com melhoria dos acessos e investimentos em equipamentos de apoio à prevenção e combate a incêndios.

Nos projetos de maior valor, destaque para a continuidade da execução da ETAR Intermunicipal de Valgode e respetivos emissários, a Valorização das Termas Romanas e a finalização do Pavilhão Multiusos de Santa Cruz da Trapa. Serão iniciados, tão breve quanto possível, as construções do Parque Urbano do Nogueiral, do Parque Empresarial de Pindelo dos Milagres, do Pólo Escolar de Vila Maior, do Percurso Pedonal do Vouga, a segunda fase da Ecopista, a requalificação de dezenas de quilómetros da rede viária municipal, entre outras obras de importância acrescida para a população do concelho.

Para 2018, São Pedro do Sul vai manter a preocupação cultural e social. Vai continuar a valorizar as vertentes culturais e tradições do concelho e apostar nas medidas de apoio direto às famílias, como o apoio à natalidade, o fundo social de apoio à habitação, as bolsas de estudo e o recente cartão sénior.

 

Pode ver também

GNR Viseu distribui 1500 calendários aos idosos para evitar cobranças ilegais da EDP

A Guarda Nacional Republicana, em parceria com a EDP Distribuição, em todo o território nacional, …

Comente este artigo